Estranhos instrumentos musicais


Com o avanço dos estudos tecnológicos, e a velocidade com que isso ocorre, hoje em dia é possível se criar quase 'tudo' que nossa mente imagina. Sejam em filmes, desenhos, inventos, as coisas mais malucas são reproduzidas muito rapidamente.
Na música, isto se reflete em duas frentes: o desenvolvimento dos instrumentos musicais, ou inventos de novos instrumentos, e a criação e melhoramentos de softwares para a produção musical em geral, tanto
para estúdios, editores de partituras, editores de músicas, etc.


Abaixo, encontrei dois exemplos que mostram essa junção da tecnologia com a criatividade. No primeiro caso, um instrumento muito interessante, que utiliza princípios bem conhecidos: vibração, captação e amplificação do som do instrumento (assim como em uma guitarra). É o Array Mbira. Este instrumento que utiliza o metal e a madeira, usa as vibrações emitidas pelo metal, que passam pela madeira (o corpo do instrumento), e são amplificados utilizando um conjunto de cabos RCA (famoso Áudio-Vídeo).
O segundo exemplo já é totalmente 'tecno': uma prancheta eletrônica é conectada ao computador, e nela é feita divisões matemáticas de espaço, fazendo com que cada parte da 'prancheta' emita uma altura diferente (notas musicais diferentes). As possibilidades são várias; assim como em um piano, é possível fazer acores, tocar até  notas ao mesmo tempo, mas, também é possível fazer vibratos, vibrando o dedo sobre a tela.



Mais alguns instrumentos interessantes:







Não esqueça de deixar seu comentário; sua opínião é importante para nós!

Um comentário:

  1. Interessante, muito bom o blog.
    Veja também o http://www.redbus.freevar.com

    ResponderExcluir

''A vida tem trilha sonora''